quarta-feira, 28 de março de 2012

PELE


Pele
I.      INTRODUÇÃO

A pele (cútis ou tez), em anatomia, é o órgão integrante do sistema tegumentar (junto ao cabelo e pêlos, unhas, glândulas sudoríparas e sebáceas), que tem por principais funções a proteção dos tecidos subjacentes, regulação da temperatura somática, reserva de nutrientes e ainda conter terminações nervosas sensitivas.

II. ANATOMIA
O nome anatómico internacional é cútis. A pele é um dos maiores órgãos, constituindo 15% do peso corporal, cobrindo quase todo o corpo à exceção dos orifícios genitais e alimentares, olhos e superfícies mucosas genitais.

III. HISTOLOGIA
A pele apresenta três camadas: a epiderme, a derme e o hipoderme subcutâneo (tecnicamente externo à pele, mas relacionado funcionalmente). Há ainda vários órgãos anexos, como folículos pilosos, glândulas sudoríparas e sebáceas; ou penas, escamas e cascos.

A) Epiderme
A epiderme é uma camada com profundidade diferente conforme a região do corpo. Zonas sujeitas a maior atrito como palmas das mãos e pés têm uma camada mais grossa  e chegam a até 2 mm de espessura. A epiderme é constituída por um epitélio estratificado pavimentoso queratinizado . A célula principal é o queratinócito (ou ceratinócito), que produz a queratina.

-  Órgãos anexos da epiderme
  • Folículo piloso: produz uma estrutura maciça queratinizada;
  • o pêlo, que é produzido por células especializadas na sua raiz, constituindo o bulbo piloso.
B) Derme
A derme é um tecido conjuntivo que sustenta a epiderme. É constituído por elementos fibrilares, como o colágeno e a elastina e outros elementos da matriz extracelular, como proteínas estruturais, glicosaminoglicanos, íons e água de solvatação. É na derme que se localizam os vasos sanguíneos e linfáticos que vascularizam a epiderme e também os nervos e os órgãos sensoriais a eles associados. Estes incluem vários tipos de sensores:
  1. Corpúsculo de Vater-Pacini, sensíveis à pressão.
  2. Corpúsculo de Meissner com função de detecção de pressões de frequência diferente.
  3. Corpúsculo de Krause, sensíveis ao frio (pele glabra).
  4. Órgão de Ruffini, sensíveis ao calor.
  5. Célula de Merckel, sensíveis a tacto e pressão.

III. TIPOS DE PELE
  • Pele eudérmica: tem superfície lisa, flexível, lubrificante e umedecida.
  • Pele graxa: aumento de secreção sebácea.
  • Pele alípica: secreção sebácea insuficiente e secreção hídrica normal.
  • Pele desidratada: caracterizada pela diminuição hídrica normal e secreção sebácea normal.
  • Pele hidratada: aumento de teor hídrico. Hiperidrose.
  • Pele mista: ocorrência de pele graxa na zona central do rosto e pele alípica nas bochechas.
IV. FISIOLOGIA (FUNÇÃO)
A pele é um órgão muito mais complexo do que aparenta. A sua função principal é a protecção do organismo das ameaças externas físicas. No entanto, ela tem também funções imunitárias, é o principal órgão da regulação do calor, protegendo contra a desidratação. Tem também funções nervosas, constituindo o sentido do tacto e metabólicas, como a produção da vitamina D.

 V. CICLO CELULAR DA PELE

A pele normal produz cerca de 1.250 células por dia para cada centímetro quadrado e essas células são provenientes de 27.000 células. A duração normal do ciclo celular da pele é de 311 horas, mas se reduz para 36 na pele psoriática.

VI. PATOLOGIA
A pele é um importante órgão na clínica de várias doenças ou condições benignas que a afectam principalmente ou primariamente outros órgãos.
  • Acne - inflamação dos folículos pilosos devido a infecção pela bactéria Propionibacterium acnes.
  • Alopécia - redução parcial ou total de pêlos ou cabelos em uma determinada área de pele.
  • Celulite - alteração do tecido subcutâneo e gorduroso da pele causando irregularidades na superfície.
  • Dermatite seborreica - doença inflamatória da pele com etiologia auto-imune.
  • Efélis ou sarda - é uma hiperpigmentação fotorreactiva em alguns pontos da pele .
  • Melanoma maligno - tumor dos melanócitos da pele.
  • Pelagra - dermatite devido a deficiência vitamínica.
  • Queimadura
  • Tinha - infecção cutânea com fungos. A forma mais importante é o pé de atleta.
  • Urticária, Eczema e Eritema multiforme -reacções alérgicas da pele.
  • Vitiligo - doença auto-imune da pele faz com que determinadas regiões do corpo sofram despigmentação, ficando muito mais clara que a pele normal, necessita de tratamento médico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário